Rússia prende líder do Batalhão Azov e anuncia liberação da usina Azovstal

Porta-voz da Defesa russa disse que o comandante neonazista, Denís Prokopenko, foi retirado em um veículo blindado, “devido ao ódio dos moradores de Mariupol”. Já são 2.439 combatentes do Batalhão Azov e militares ucranianos que estavam em Azovstal que se renderam nesta semana RBA – O ministério da Defesa russo anunciou nesta última sexta-feira, a …

%d blogueiros gostam disto: