Rússia testa laser capaz de queimar drones a 5 km de distância em 5 segundos

Sistema de defesa informou que a aviação russa atingiu já 153 áreas de acumulação de tropas e equipamentos militares das Forças Armadas da Ucrânia e eliminada uma estação de radar de alerta e direcionamento, fabricada nos EUA.

Com Sputnik

A Rússia testou um laser capaz de destruir drones a uma distância de cinco quilômetros em cinco segundos, revelou nesta quarta-feira (18) o vice-primeiro-ministro russo Yuri Borisov. Segundo ele, “Foram desenvolvidos e estão sendo fabricados em série sistemas de laser com uma potência muito maior, que já permitem realizar a destruição térmica de diversos veículos”, acrescentou o vice-premiê.

“Foi demonstrado na distância de cinco quilômetros e durante cinco segundos como um veículo não tripulado foi completamente queimado”, detalhou Yuri Borisov. Além disso, o dirigente relatou que a Rússia tem uma cota-parte de aproximadamente 20% do mercado global de armas, com uma pasta de encomendas no valor total de cerca de US$ 50 bilhões (R$ 247 bilhões).

“O primeiro lugar é ocupado pelos Estados Unidos, com 39% do mercado mundial de armas, e a Rússia, com um orçamento militar bastante menor, mantém durante muitos anos uma participação estável de cerca de 20% do mercado global, com grande vantagem sobre a França, que tem 11%”, informou o vice-premiê.

De acordo com suas palavras, os principais compradores das armas russas são a Índia, China, Argélia e Egito. O pacote de encomendas para os próximos anos é de cerca de US$ 50 bilhões, enquanto anualmente o país exporta armas no valor de US$ 14-15 bilhões de dólares (R$ 69-74 bilhões).

Ainda segundo a Agência Sputnik, na quinta-feira (19), o representante oficial do Ministério da Defesa russo, major-general Igor Konashenkov, disse que nas últimas 24 horas, renderam-se 771 combatentes do Batalhão Azov. Ao total, desde segunda-feira (16), da siderúrgica Azovstal, em Mariupol, se renderam 1.730 militantes, inclusive 80 feridos, de acordo com os dados oficiais da entidade.

Além disso, o militar russo informou que nas últimas 24 horas,  aviação do país atingiu 58 áreas de concentração de pessoal e equipamento militar na Ucrânia, eliminado mais de 340 nacionalistas. Este é apenas um balanço superficial sobre a guerra na Ucrânia que sofre com intensas ofensivas por terra, mar e ar das tropas russas.

Fonte: Sputnik

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: