Enquanto você odeia política os grupos Neo nazistas se espalham no Brasil

Já são mais de 270% a mais espalhados pelo Brasil com crescimento recorde em 3 anos e muitos dizem não querer falar em política. Quando você se esquiva de atos políticos termina favorecendo esse tipo de movimento que de fato pode deixar consequências incalculáveis no meio político, social, psicológico e cultural.

Por Redação

É muito comum você ver nos grupos formados em redes sociais pessoas escrever que “se tiver política eu saiu do grupo!” – Sem perceber ou sendo bobo da corte esquece que ali já está tomando partido de alguma maneira, pior que nesse tipo de atitude termina ajudando na propagação dos grupos radicais como o nazismo. E não estamos falando de países europeus que se proclamam de raça pura em eventuais circunstâncias da história.

Segundo a antropóloga Adriana Dias em entrevista para o Uol, aponta que as células de grupos neonazistas cresceram 270,6% no Brasil entre janeiro de 2019 e maio de 2021, e se espalharam por todas as regiões do país, impulsionadas pelos discursos de ódio e extremismo contra as minorias representativas, amparados pela falta de punição. E muitos continuam ali criminalizando políticos e a política

Em entrevista ao “Fantástico“, Adriana Dias revelou que existem pelo menos 530 núcleos extremistas, que podem conter cerca de 10 mil pessoas ativas, operando no Brasil hoje. Segundo a antropóloga, a maioria dessas pessoas se identificam como neonazistas e têm em comum o ódio contra feministas, judeus, negros e a população LGBTQIAP+. E isso impacta também no acomodado povo brasileiro que não quer debater assuntos de interesse da sociedade, se prendendo no seu próprio mundo ou eco.

Ainda no Fantástico da Rede Globo, a juíza federal Cláudia Dadic, apontou a falta de punição e de uma legislação clara sobre esse tema e contra o discurso de ódio no Brasil, como obstáculo para a punição desses criminosos. Conforme a magistrada, esses discursos não podem ser confundidos com liberdade de expressão. “Os casos que tenho acompanhado da Polícia Federal têm tido realmente um esforço grande no sentido de investigar e punir. O que ocorre é que muitas vezes alguns operadores do direito têm uma compreensão da liberdade de expressão que acaba, de certa forma, obstaculizando a punição desses crimes, que claramente não se situam dentro do campo da liberdade de expressão”, afirmou Dadico. Fatos que como mencionado acima não tem uma ampla discussão social. Limitando-se apenas a dizer que não gosta de política, nem de direita e nem de esquerda.

De acordo com as leis brasileiras, pode ser preso por um a três anos quem fabricar, comercializar, distribuir ou veicular símbolos nazistas. Pela primeira vez a Polícia Civil encontrou “um material nazista com todo esse volume, itens, valor material e histórico”. “É algo impressionante e jamais visto por aqui. Não só pela quantidade apreendida, mas pela preciosidade. Obras de arte, fardas e armas originais da Alemanha nazista e muito, mas muito mais. Ele é de uma família de posses. Os pais eram investidores e parte da herança ele usava para essa coleção nazista”, acrescentou reportagem. O caso aconteceu em outubro de 2021 no Rio de Janeiro, foi preso Aylson Proença Doyle Linhares, que também é suspeito de estupro de vulnerável contra um menino de 12 anos.

Devido a gravidade que se encontra nossa sociedade é muito importante que façamos um debate aberto em todas as classes, ambientes físicos ou virtuais, escolas, universidades entre outros locais, não pode a sociedade simplesmente jogar culpa do caos na política e políticos sem fazer a sua parte e tentar reverter certos casos. Este é apenas um que nos chamou atenção pelo fato de inúmeras pessoas criminalizarem a política sem querer de fato fazer algo para se combater este como inúmeros outros atos criminosos contra pobres, pretos, pardos, pessoas de gêneros ou qualquer uma que não se enquadre nos quesitos de politicamente correto. Portanto, hipócritas, vamos fazer a nossa parte e não criminalizar, mas discutir política em todas suas amplitudes.

Com informações do UOL

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: