Maranhão e Piauí estão entre os Estados que mais reduziram a pobreza no Brasil, diz IBGE

Governado por Flávio Dino, o Maranhão reduziu em 5,6 pontos percentuais o número de pessoas pobres, enquanto o Piauí, de Wellington Dias (PT), diminuiu 6,7 pontos percentuais, se destacam também o estado do Sergipe e Pará. A queda da pobreza nesses estados foi mais acentuada que no restante do país, que ficou com média de 1,8 ponto porcentual, no mesmo período.

Com Revista Fórum

O Maranhão e o Piauí estão entre os Estados do Brasil que mais reduziram a pobreza entre 2019 e 2020, segundo dados divulgados no mês de dezembro pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Os estados de Sergipe, Pará, Piauí e Maranhão são as unidades federativas que mais diminuíram o índice de pobreza nos anos de 2019 e 2020. Os números foram repercutidos em alguns veículos de comunicação esta terça-feira 22 de dezembro.

Governado por Belivaldo Chagas Silva (PSD), Sergipe ficou à frente nos resultados. O estado conseguiu diminuir em 8,9 pontos percentuais a quantidade de pessoas pobres. No Pará, de Helder Barbalho (MDB), o percentual caiu em 8,8 pontos. Já no Piauí, de Wellington Dias (PT), e no Maranhão, de Flávio Dino (PSB), a pobreza caiu 6,7 e 5,6 pontos percentuais, respectivamente.

O governador Flávio Dino afirma que o resultado é o melhor número registrado pelo Maranhão há nove anos. “Nós tivemos o menor número de pobreza desde 2012. Tradicionalmente, o Maranhão sempre esteve na casa dos 55%, 56%, e chegamos a 48%. Tivemos a quarta maior queda do país no que se refere à pobreza”, disse.

Já o Piauí, de Wellington Dias (PT), diminuiu 6,7 pontos percentuais. O governador do Piauí, autorizou na ultima terça-feira14, a elevação do índice de 8,83% para 10% do reajuste do vencimento e subsídio de todos os servidores do governo em 2022, assim como a antecipação da aplicação de maio para o mês de abril. A medida é uma proposta de recuperação salarial referente à inflação dos anos 2019 e 2020, que teve aval do secretário estadual de Fazenda e coordenador do PRO Piauí, Rafael Fonteles, pré candidato a sucessão de Dias na próximas eleição para o governo em 2022.

Com informações do Congresso em Foco

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: